Ser “isefiano”

Olá!

Bom, essa é a primeira vez que escrevo aqui no Blog. Não vou mentir que fiquei bem ansioso pra isso. Ansioso porque quero muito ver em vocês essa vontade de ir pra a ISEF que eu vi em mim enquanto “febraciano”.

Conheci a ISEF pela Ana Claudia (uma das gêmeas) e daí estabeleci pra mim um objetivo: ir para a ISEF, pela FEBRACE, a qualquer custo. Foi difícil, não vou mentir. Me ocupei muito, meu ano inteiro foi lotado de coisas para fazer, de pessoas pra procurar, pra incomodar, mas afinal… isso é fazer ciência!

Quando cheguei na FEBRACE foi tudo bem.. segui as dicas do Ivan de “encha o saco das pessoas pra elas verem o seu trabalho” e literalmente impressionei meus avaliadores. Era a minha primeira FEBRACE, então eu não sabia de nada, nada mesmo. Não fazia ideia de como as coisas funcionavam, mas eu sabia que eu queria ir pra a ISEF. Resultado: no dia da premiação, fui selecionado.

Não vou mentir, ser selecionado pra a ISEF é coisa pra louco. Louco mesmo. Acho que bem mais que ser premiado numa feira como essa, o seu amor à pesquisa é provado nas poucas semanas (pouco mais de um mês) que você tem pra se preparar pra a ISEF. Meu aprendizado começou aí: superei TODOS os meus limites para fazer a minha pesquisa melhorar em pouco tempo.

Na ISEF a coisa fica melhor. Acabou o estresse. Você não tem que se preocupar com formulários nem relatórios pra traduzir, só sua apresentação oral, treinada massificantemente durante o workshop preparatório. A questão agora é curtir a feira, aprender. E é isso que a ISEF nos traz – aprendizado.

Fui premiado na ISEF, e foi só pisar no Brasil pra encarnar uma coisa que o Ivan me disse antes de viajar: “Depois da ISEF sua vida não vai mais ser a mesma”. Pode ser meio óbvio, mas é preciso viver pra entender. A ISEF traz pra a gente um aprendizado muito maior do que “fazer pesquisa de qualidade”. Aprendemos a conviver com a culturas, a moldar nossas opiniões, a trocar valores…. aprendemos que o céu NÃO é o limite! E o mais interessante é que todo esse aprendizado, como bem diria a Roseli “vai fazer com que nós possamos plantar pequenas sementes de mudança dentro do ambiente que a gente vive”. E é por isso que eu quero deixar pra vocês, futuros “isefianos”, um dos maiores apredizados trazidos pela ISEF: basta você fazer a sua pesquisa com vontade, com diligência. Não importa se tiveram erros (estranho era se NÃO houvessem erros), ou se você passou por alguma dificuldade pra fazer pesquisa. Se você faz ciência, é porque você consegue se destacar, é porque você é bom. Seja bom no que você faz! Isso é suficiente.

A frase que mais inspirou a delegação da ISEF esse ano é muito inteligente – “If we knew what we were doing, it wouldn’t be called research” – “Se nós soubessemos o que estamos fazendo, isso não seria chamado pesquisa” – Albert Einstein

Espero poder ter estimulado vocês a querer conhecer mais. Essa é uma das minhas missões como ex-isefiano. E vou estar sempre disposto a, naquilo que eu puder, ajudar a vocês todos: alunos, professores… Talvez a gente se encontre um dia desses.. talvez numa FEBRACE, talvez na ISEF de novo! – Eu ainda vou postar umas coisas legais por aqui 😀

Anúncios

2 Comentários

Arquivado em Feiras de Ciência

2 Respostas para “Ser “isefiano”

  1. Esse post é muito bom o conteúdo é maravilhoso. Parabéns pelo trabalho.

    Obrigado pela oportunidade.

  2. Gabriel Fagundes

    Olá! Já faz muito tempo que esse post entrou no ar, apesar de que isso não me impede de respondê-lo.
    Sou estudante do 3º ano do ensino médio na Escola Estadual Dr. Alexandre Vaz Tavares, em Macapá, Amapá. De fato, o post é muito interessante, a leitura consegue prender, inspirar e motivar quem está lendo. Há anos que eu sonho em desenvolver um projeto científico. Infelizmente, a educação tradicionalista do nosso país impede que muitos jovens desenvolvam projetos de cunho científico; a falta de investimento e incentivo à iniciação científica nas escolas também. Precisamos todos fazer mobilizações para mudar esse quadro!

    Obrigado!

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s