“A introdução do filme (de ficção ciêntífica) possibilitou a oportunidade de reflexão crítica do papel das ciências na sociedade”

Exemplos de formas criativas de como o uso de ferramentas alternativas podem contribuir no ensino de ciências.

Aplicada no curso superior, a reportagem a seguir pode servir como reflexão sobre as possibilidades no Ensino Básico.

via – Agência FAPESP: Aprender ciência com ajuda da ficção

O estudo, publicado na revista Ciência & Educação, utilizou como estudo de caso o filme Parque dos Dinossauros (1993), de Steven Spielberg, para analisar os conceitos da biologia molecular.

De acordo com Aguinaldo Robinson de Souza, professor do Programa de Pós-Graduação em Educação para a Ciência da Unesp, no campus em Bauru (SP), a introdução do filme possibilitou a oportunidade de reflexão crítica do papel das ciências na sociedade.

“A escolha do filme se justifica pelo fato de que, a todo instante, recebemos, dos meios de comunicação, as mais diversas informações sobre os avanços recentes na área de biologia molecular, sem percebermos como é escasso o entendimento da maioria dos conceitos apresentados”, disse à Agência FAPESP o autor do artigo ao lado de Marcilene Cristina Gomes-Maluf, professora de química da Escola Agrotécnica Federal de Cáceres (MT).

Souza explica que a proposta do trabalho foi buscar no imaginário o processo de construção do pensamento científico, em uma relação entre o imaginário e o real. “A ficção científica se transforma em um instrumento metodológico, passa a ser o elemento que informa o conhecimento a ser explorado e, ao mesmo tempo, é o aparato que oferece as imagens de experiências a serem realizadas”, disse.

(…)

Para o professor das Unesp, a ficção científica pode ser considerada como o ponto de partida para uma proposta metodológica no ensino de ciências. “Ao trabalhar entre esses dois universos, a ficção favorece o acesso a diferentes produções da ciência, dando oportunidades, com base em uma obra artística, do contato com as transformações que a ciência tem imprimido”, apontou.

Mais informações no link da reportagem.

Anúncios

Deixe um comentário

Arquivado em Notícias

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s